As incriveis vendas do PS4 no Brasil

Primeiramente, agradecimentos ao John Herbert pelo Rant de hoje, boa parte do texto a seguir é de autoria dele.

G1 foi até as lojas e nenhuma unidade foi vendida nas pesquisadas… mas quando ligou para as lojas, as mesmas disseram que as unidades estavam acabando(Sony, Fnac, Magazine Luiza e UZ Games também foram pesquisadas).

A sony não vai divulgar, é claro, os números de vendas, não quer mais críticas do que já tem.

SE FOSSE SOBRE A NINTENDO… tava todo mundo caindo em cima falando que “já era”… “Faliu”…

Em primeiro lugar, a própria Sony disponibilizou POUQUÍSSIMAS unidades para a venda no país por já saber que venderia pouco, aliado à péssima imagem angariada por causa do preço de lançamento em R$4000. Segundo, as lojas que o vendiam NÃO POSSUIAM NENHUM JOGO À DISPOSIÇÃO, quer dizer, quem em sã consciência pagaria R$4000 em um console que além de já ter uma lineup fraquíssima é comercializado sem jogos.

E o pior é que surgiu um ser, um cidadão muito especial se deu ao luxo de desembolsar a bagatela de R$4000 e comprar um PlayStation 4 brasileiro sem jogos e, de quebra, sem acesso à PSN. E não estamos falando de qualquer pessoa não, estamos falando deste cara aqui!, na entrevista dada ao site em si, ele diz que toda a loja parou para atendê-lo, sabia do choque que tal ato iria causar entre os amigos e declara estar acostumado aos altos preços relacionados à games no país.

Quer dizer, eu consigo respeitar perfeitamente a audácia do rapaz em desembolsar R$4000 do próprio bolso para comprar um console o qual é possível obter por preços bem melhores através de distribuidores independentes ou comprando lá fora mesmo (e a própria Sony brasileira reconheceu essa consequência), especialmente na parte onde ele diz que se está numa prateleira é para ser comprado, mas isso não deixa de ser um dick move considerando que atualmente ele não está fazendo nada a não ser se vangloriando da aquisição em um tópico no forum da UOL Jogos.

Eu queria, e muito, suportar o mercado nacional comprando produtos oficiais e com garantia, mas enquanto estes preços idiotas continuarem a ser praticados, continuarei a comprar meus consoles e jogos da maneira de sempre, vendedores independentes. Eu me recuso à pagar mais de R$1500 em QUALQUER COISA relacionada a consoles de videogame, muito menos quando o preço em si é surreal demais para o que ele exatamente vale, o PS4 tinha a obrigação de custar menos de R$2000 e o Wii U tinha a obrigação de custar menos de R$1500 (comprei o meu por R$1250 e com dois jogos).

Você deve estar se perguntando, como andam o Wii U de R$1900 e o Xbox One de R$2300 por aqui? Muito bem obrigado. Ambas Nintendo e Microsoft fizeram questão de promover suas novidades em grandes eventos, como o da Nintendo realizado semana passada e o da Microsoft na FNAC da Av. Paulista. Claro, não está sendo um estrondo como nos EUA mas estão vendendo dentro do esperado considerando tais bagatelas, especialmente quando ambos tem demonstrações nas lojas e conseguem convencer os mais leigos.

No momento, estou muito feliz com meus Wii U, Wii e 3DS. Se pretendo pegar mais consoles, estes serão um PS3 e um 3DS XL para substituir meu 3DS atual, não pretendo ter, ou mesmo jogar, um PS4 ou um Xbox One no momento, e também não estou nem aí se ambos ultrapassarem o total de vendas do Wii U, só me interessa que venham os jogos que eu quero jogar!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s